terça-feira, 19 de julho de 2011

Claude Monet - Nympheás














Claude Debussy-  Clair de Lune


Mergulho em tuas lágrimas
Em teu suor, em teu sorriso
Em todos teus poros
E tuas águas salgadas
Misturam- se ao meu âmago
Somam- se ao meu ser
Que só se enxerga
Através dos vitrais
De teus olhos.
Suavemente tua voz

É prece para meus ouvidos
E teu abraço, aconchego iluminado
Em pouso sobre minha escuridão solitária
Só abrandada pelos teus timbres difusos
Por tuas cores
Por tua palheta impressionista.
És repousante luz que trás paz
Que me invade
Música em aquarela
Comunhão cósmica
Unindo duas almas
Em um presente - futuro
De sonhos, de sons.

Milene.


24 comentários:

  1. quando almas se fundem dá nisso: poesia!

    Muito belo, Milene!

    beijo.

    ResponderExcluir
  2. Música, amor, tudo bem compassado.
    Nao importa presente ou futuro, só o sentir é necessário.
    Linda essa música Mi, êxtase puro, combinou totalmente com o poema.

    ResponderExcluir
  3. Milene querida, e é o que muitas almas trazem a nossa vida cor! Adoro gente iluminada assim ;)

    bjokitas com master carinho pra ti!!!

    ResponderExcluir
  4. Poema e música casaram tão bem!
    Maravilha, Milene.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  5. Uma comunhão cósmica e maravilhosamente impressionista. Um abraço, Yayá.

    ResponderExcluir
  6. Milene,
    Tão lindo que dispensa interpretação! Poderia quebrar o encanto.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  7. Oi Milene!!!

    Nossa, quanta inspiricao vi aqui!!! Quem será essa alma tao divina merecedora desses versos? Será uma cara metade ou a música? talvez a música seja sua cara metade... nao sei... Vc acredita que os poemas devem ter (e tem) obrigatoriamente um significado, ou, devido ao poder subjetivo, dao essa abertura para diversas interpretacoes? (ou é o leitor que muitas vezes nao entende mesmo??) Alma ou música? mas, a música tb tem alma.. Viajei?? hahaha

    Amiga, no outro post que vc comentou sobre meu quarto noivo (nao parei por ali, ainda nao), tem mais histórias e aliancas pela frente... a fila andou pra valer!!! haha

    Beijo grandaoooo!!!

    ResponderExcluir
  8. MIlene, maravilhoso! Encantador! A ilustração tbm ficou perfeita... adoro Monet!! Parabéns

    ResponderExcluir
  9. Um eterno encanto!
    Há almas que colorem todo nosso interior!
    Feliz Dia do Amigo,Querida!
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Milene tem um selinho para vc em meu blog ok!!! bjss

    ResponderExcluir
  11. Doce poesia poetisa um prazer ler você!Lindo!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  12. Milene,

    Tudo de uma indescritível belexa, seu texto e a imagem de Monet!E apurado bom gosto!!!

    Feliz Dia do Amigo!!!

    "Abençoados os que possuem amigos, os que os têm sem pedir.Porque amigo não se pede, não se compra, nem se vende.Amigo a gente sente!
    Benditos os que sofrem por amigos, os que falam com o olhar.Porque amigo não se cala, não questiona, nem se rende.Amigo a gente entende!"(Machado de Assis)

    Beijokas com muito carinho!

    ResponderExcluir
  13. Nossa Geyme, vc adivinhou: o meu grande amor é mesmo a música!E vou te confessar uma coisa também: Eu adoraria ter alguém para quem dedicar versos desse tipo, alguém que merecesse isso,(quem sabe um dia, né?),um grande amor humano, mas por enquanto ainda estou naquilo de "e a fila anda", sem ninguém para quem dedicar algo assim... Ao mesmo tempo não consigo escrever nada que não faça parte de alguma forma de algo meu, dos meus anseios, da minha vivência e até mesmo do meu subconsciente, vai saber, porque escrever para mim é sempre um desabafar, uma catarse, algo que não planejo,algo que simplesmente acontece, sem cálculo, sem racionalizar... e respondendo as suas perguntas, diria que para mim a poesia tem sim um significado concreto para quem escreve(que podemos muitas vezes descobrir qual é só depois que a escrevemos e a lemos com cuidado!, mas ao mesmo tempo é extremamente subjetiva e por isso abre espaço para muitas interpretações diferentes por parte dos seus leitores, fazendo com que muitas vezes, as interpretações individuais de cada leitor sejam muito diferentes do que vc realmente quis dizer com o que escreveu. Gostei muito de conhecer o seu blog... seja bem vinda aqui sempre, beijos!

    ResponderExcluir
  14. Hellen e Lena, feliz dia do amigo também! Feliz dia do amigo para todos amigos em visita por aqui, beijos!

    ResponderExcluir
  15. Oi amiga!!!!!
    Obrigada pela sua explicacao, adorei sua resposta, tanto aqui quanto lá, viu!! Vc sabe que eu tenho o costume (péssimo talvez) de observar determinados comentários ... Confesso que nem sempre é fácil comentar sobre a poesia, mas acredito que é possivel ir mais além disso: "Que lindo" "Adorei" "Melhor nao interpretar..."
    Poxa, que fácil isso!!!!! ou como alguns desinteressados (ou interesseiros) que deixam nos meus textos essas unicas palavras: "Ah, adorei o seu post, Beijos!" Powww, sério que o cidadao nao tem nada melhor a escrever???
    O "feeling" que vc mencionou talvez exista mesmo, mas há a questao principal de eu ter lido seu texto duas, tres vezes..., do comeco ao final, no intuito de descobrir (ou me aproximar) de um melhor entendimento,. prefiro fazer isso e dizer o que me parece ao deixar esses comments toscos, do tipo "Ai que lindo!"...
    Confesso que é legal ter comentários nos textos que escrevemos, mas tem muita gente que pinta no pedaco e deixa duas frases vazias, sem ter se dado ao trabalho de ler o que vc escreveu, só para ter a visita retribuida!! O "mundo dos blogs" está me parecendo uma coisa muito sórdida e egoísta nos ultimos tempos... Parece que o unico interesse que existe nessa blogosfera é por si mesmo...!!!!!!
    Mi, isso parece um desabafo, credo!!! Mas vai ver... foi mesmo,
    A fila está andando por aí ainda???? Esquenta nao, tenho certeza que um dia ela para (se parou pra mim quando parecia impossível, há de parar pra vc tb!).....hahaha

    Beijokassssss!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  16. Milene amada, que lindo!
    Poema dez!

    Beijinho amada.
    Fernanda

    ResponderExcluir
  17. Adoro a Geyme, e endosso tudo que ela disse, Mi!
    Ainda estou confabulando meu post sobre "comentários malas", já que fiz dos "blogueiros malas" hehehe

    Ah e eu nem sabia do tal dia do amigo, nem ligo pra essas datas, amiga, sorry.

    Ah, e adoro seus comentários, porque sempre me fazem pensar e ficar feliz :)

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  18. Ah Cris, eu também não sabia disso de dia de amigo não viu!rs. Fui descobrir através da blogosfera com um dia de atraso! E aí já desejei aqui um feliz dia do amigo geral né, já que eu já tava atrasada nas datas! Ah, quanto ao comentário da Geyme, eu respondi hj lá na sua Boutique de ideias ( que aliás conheci só esses dias e amei, ela é muito irreverente! ), se quiser dá uma passadinha lá e vc vai ver a resposta... e isso de comentários malas tem muito também, o pior deles é daquelas pessoas que entram no seu blog só para fazer propaganda do blog delas! Entram e convidam vc para conhecer o seu blog e não deixam uma palavra sequer sobre o seu post, sobre nada! Quando é assim, eu fico puta da vida e não penso duas vezes: marco o comentário como spam e ele é excluído! Sabe eu acho isso um desaforo!E fico feliz dos meus comentários te fazerem pensar e te deixarem feliz também! Agora preciso ir amiga, o piano me espera. Beijos!

    ResponderExcluir
  19. Ahh eu estive na Geyme antes daqui, até disse lá que nao devo ter feeling, porque nao tinha sacado que sua alma gêmea era a música!! kkkkkk

    Eu tenho sorte que meus blogs só atraem gente que gosta de comentar, deve ser porque sao seguidores há alguns anos já e me conhecem. Os que sao inconvenientes sao sempre os que chegaram recentemente, mas até esses dei um crédito dia desses e me surpreendi com a pessoa super legal do outro lado, ela estava apenas divulgando o blog dela. Mas sabemos que é raro encontrar pessoas bacanas atrás de comentários feito nas coxas.

    Vai lá com seu piano sim, nos falamos, beijos!

    ResponderExcluir
  20. Oi Mi!!!

    Já que vc perguntou, eis a resposta: ao reler pela segunda ou terceira vez o poema, cheguei sem querer no Andrea bocelli, em minhas lembrancas, quando ainda aprendia castellano e fui pupila de um bom amigo, fa desse mestre, fluentíssimo no italiano. Cantávamos juntos uma música dele que eu adorava: "Vivo Per Lei", embora de fácil entendimento, este meu amigo me perguntou ao final: "Voce sabe quem é o homenageado da música, né?" E eu disse: "Ora, evidente que é a própria música!" e ele ficou meio surpreso com minha resposta, pois segundo sua experiencia, pouca gente entendia isso... ao ler seu poema, lembrei que o Andrea cantou seu "amor" para só ao final revelar o nome de sua inspiracao melódica... Uma coisa me levou a outra...mas fiquei pensando no Bocelli ao final do seu poema pela similaridade e resolvi arriscar (nao vai achar que eu sou doidona, viu!!) haha Vai entender esses caminhos do pensamento e reflexao???

    Olha, talvez vc precise de um europeu mesmo na sua vida pra fazer a fila parar, confesso que tenho o meu (ele é alemao mesmo), e acredito que se o tivesse conhecido na adolescencia jamais o teria deixado!!! Acho que os homens por esse lado daqui, tem um Q diferente, um pensamento diferente, um cavalheirismo sem igual (nao posso falar por todos), mas no meu caso caiu como luva, e a Cris tb pode dizer algo a respeito....
    Vem pra cá e aproveita pra visitar a gente!!
    Depois me manda o link do seu poema erótico!!!
    Beijo, beijo, beijo!!!!!

    ResponderExcluir
  21. Milene, o selinho está abaixo do nome da Ana.Um abraço, Yayá.

    ResponderExcluir
  22. Um amor assim é tudo com que sonho, mesmo quando estou acordada!

    Acho tão magico como os poetas, os músicos, os artistas em si, conseguem transformar em palavras, sons e pintura os desejos, sonhos e aflições humanas.

    A gente fica com vontade de agradecer a vocês pelo prazer da que nos odeferecem com a arte!

    ResponderExcluir

Obrigada a todos pela visita e pelos comentários. Voltem sempre, =).