domingo, 16 de janeiro de 2011

















Se te guiar na bruma
Será para que te percas comigo
Sonho infinito de não dizeres
Ensolarado paraíso celeste
Além das nuvens
há um recanto só nosso...
Gotas de chuva mescladas
Ao calor do sol,
Cascatas de sons entrelaçando
tua paisagem divina a minha,
Olhos faiscantes de vida
em pico de neve,
Centelha de luz
a inundar tudo,
Junto a teus passos
estarão os meus.


Milene.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada a todos pela visita e pelos comentários. Voltem sempre, =).